A àrvore dos cantos / amoa hi ã he re haanowehei

Autor: Pajés Parahiteri
Org: Anne Ballester Soares
Editora: Hedra
Ano: 2016
ISNB: 9788577155118
Coleção Mundo Indígena

R$ 37,90

Sobre o autor

(org Anne Ballester Soares)

Pajés Parahiteri

O segmento Yanomami da Coleção Mundo indígena — O surgimento dos pássaros, A árvore de cantos, Os comedores de terra e O surgimento da noite — reúne quatro cadernos de histórias dos povos Yanomami, que formam juntos O livro das transformações contadas pelos Yanomami do grupo Parahiteri.

Na temporalidade própria das histórias, seres que hoje são animais e espíritos eram gente Yanomami. Trata-se da origem do mundo de acordo com os saberes deste povo, explicando como, aos poucos, ele veio a ser como é hoje.

Os Yanomami habitam grande extensão da floresta amazônica, que cobre parte de Roraima, Amazonas e Venezuela. Sua população é estimada em 35 mil pessoas, que falam quatro línguas diferentes: yanomae,ninam, sanuma e xamatari, pertencentes a um pequeno tronco linguístico isolado.

As comunidades Ajuricaba, do rio Demini, Komixipiwei, do rio Jutaí, e Cachoeira Aracá, do rio Aracá gravaram e transcreveram todas as histórias contadas por seus pajés. A primeira tradução, feita com a ajuda de dois professores Yanomami, foi iniciada a partir destas gravações — sendo então, posteriormente, adaptada para o português. Em 2013, a Editora Hedra propôs a essas mesmas comunidades uma edição para apresentar suas histórias tradicionais ao grande público.

A árvore dos cantos é iniciado com a seguinte frase: Nós vamos cantar. No início, não havia canto, não havia, ninguém cantava. Onde se erguia a árvore dos cantos, os dois foram caçar. Dois moços Wakusitari – dois não, um só moço, que a descobriu em sua região.

Avaliações

Não há avaliações ainda.

Seja o primeiro a avaliar “A àrvore dos cantos / amoa hi ã he re haanowehei”

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *