Democracia corintiana a utopia em jogo

autor: Ricardo Gozzi e Sócrates
prefácio: Juca Kfouri
edição:1ª
selo:Boitempo Editorial
idioma:Português
páginas:184
formato:14cm x 21cm x 1cm
peso:200 gr
ano de publicação:2002
encadernação:Brochura
ISBN:9788575590218

R$ 42,00

Sobre o autor

Ricardo Gozzi e Sócrates

Em 1982, após dezoito anos de ditadura e décadas de mandonismo nos esportes, o Parque São Jorge, sede do Corinthians, respirou ares de liberdade. Uma experiência liderada por Sócrates, diversos outros jogadores e a diretoria do clube tornou-se a grande novidade futebolística do ano: a Democracia Corintiana.

Ao se completarem os vinte anos daquela que foi a mais importante mobilização de atletas na história do futebol brasileiro, a experiência ganha o seu primeiro registro literário.

Escrito a quatro mãos por Sócrates e Ricardo Gozzi, Democracia Corintiana resgata os eventos em torno de um movimento que mesclou aspectos políticos, sociais, culturais e esportivos. Enquanto Sócrates recuperou suas memórias do Corinthians democrático, Gozzi tratou de pesquisar o contexto histórico do movimento e entrevistar seus mais destacados protagonistas para montar este livro repleto de histórias surpreendentes.

Em sintonia fina com o período de abertura política vivido no Brasil no início da década de 1980, a Democracia Corintiana atraiu simpatizantes e detratores. Duas décadas depois, ainda é um assunto debatido com paixão nas rodas de futebol. Mais que um resgate histórico, este livro mostra ser possível romper com o atual modelo retrógrado e corrupto do futebol brasileiro para, enfim, moralizá-lo.

Democracia corintiana: a utopia em jogo inclui um conjunto de fotos em cores e em preto e branco de Sócrates e outros participantes do modelo democrático de gestão do futebol.
Eduardo Galeano fala sobre a democracia corintiana

Avaliações

Não há avaliações ainda.

Seja o primeiro a avaliar “Democracia corintiana a utopia em jogo”

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *